FILMES

Flip - “Agir localmente para Pensar globalmente”

 

O FLIP, organizado pela associação Gatilho, não é apenas mais uma Mostra de Cinema de Animação, é uma festa que celebra a animação enquanto arte maior que se desvela enquanto imagética e poética visuais na qual convergem narrativas com sons, cores, texturas e outros materiais, em sintonia com a anima e a diversidade técnica do(s) seu(s) criador(es).

Enquanto associação potenciadora do desenvolvimento artístico-cultural de Amarante, a Gatilho acolhe e desafia os jovens e as escolas, e todos os demais interessados, a intervirem activa e criativamente neste projecto plural disseminado por vários espaços, parceiros do FLIP, ao longo de três dias. Pluralidade espácio-temporal, em comunhão com as metamorfoses criativas que se constroem no reconhecimento e exploração de sensibilidades díspares, mas em expressão-comunicação intersubjetiva, segundo o  movimento incessante e dialéctico  da criação-transformação.

Divulgando o melhor cinema de animação, convidando realizadores e outros artistas independentes, esta Mostra promove workshops singulares para/com o público infanto-juvenil, ousando cativá-los.

Rememorando o livro de Antoine de Saint-Exupéry, “O Principezinho”, datado de 1943, e a adaptação cinematográfica feita por Mark Osborne em 2015, sabemos que cativar é “criar laços” com os outros, mas também com “esta terra funda e fundo rio (…)”, convocando as belíssimas palavras do poeta Teixeira de Pascoaes.

O FLIP premiu o gatilho a uma metamorfose e experiência triádica - estética, criativa e crítica -, que crê duradoura e autenticamente humanizadora.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now